QUEM É ESSE JESUS?

“Estando a orar apenas com os discípulos, ele lhes perguntou: Quem as multidões dizem que eu sou?”.  (Lc 9.18)

A pergunta feita pelo Senhor Jesus aos seus discípulos parece simples, mas não é, principalmente se levarmos em conta o contexto histórico no qual ela foi lançada. Havia muita controvérsia naquele momento entre os judeus a respeito de como seria o Messias, o Ungido de Deus que viria para libertar o seu povo da opressão. Os próprios discípulos não estavam certos de que, de fato, fosse ele o Messias tantas vezes predito pelos profetas.

Essa é uma pergunta para a qual não se esgotaram as respostas. Durante praticamente dois mil anos estudiosos das mais diferentes áreas se inquietam em responder a essa simples pergunta: “quem as multidões dizem que eu sou”? As respostas são muitas e variadas. Já naquele tempo foram levantadas várias possibilidades de respostas, algumas delas bem estranhas, inclusive.

Muito embora as respostas de cunho teológico ou histórico sejam importantes e, até certo ponto, fundamentais, não é bem essa resposta que o Senhor Jesus quer ouvir dos seus discípulos daquele tempo e de nós, hoje. Tanto assim, que a resposta que o satisfaz sai da boca de Pedro, que fala em nome de todo o grupo. Uma resposta simples, lapidar: “o Cristo, o Ungido de Deus.” Que coisa linda, essa resposta! Pedro não faz rodeio algum, escuta apenas e tão-somente o seu próprio coração.

Ainda hoje o Senhor Jesus continua fazendo essa pergunta e, semelhantemente, as respostas podem ser as mais variadas possíveis. Mas uma coisa é certa: a resposta que o agradará será sempre aquela respondida em caráter pessoal, que saia do nosso próprio coração. Isto porque o o Senhor não quer admiradores ou fãs, mas seguidores, discípulos dispostos a deixarem tudo para segui-Lo como seu Senhor e Deus. Você está disposto a isso?

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enter Captcha Here : *

Reload Image